Páginas

terça-feira, 20 de julho de 2010

A Importância do boro no cultivo da Melancia


A matéria orgânica do solo constitui-
se a principal fonte de boro disponível
às plantas (Abreu, et al., 2007;
Dechen & Nachtigall, 2007). Assim, solos
altamente intemperizados, especialmente
os arenosos, em condições de alta
pluviosidade, tendem a apresentar baixos
teores de matéria orgânica e conseqüentemente
baixo aporte de B (Dechen
& Nachtigall, 2007), O B compõe a membrana celular;
atua no transporte de açúcares realizado
pelo K via floema, participa da divisão,
diferenciação e elongação celular e
tem papel na fecundação e na germinação
do grão-de-pólen. Aumenta a absorção
de P, Cl e K através do sistema
radicular; inibe a formação de amido e
atua no metabolismo e transporte de
carboidratos até os órgãos de reserva
(Malavolta et al.,1997). Além disso, os
metabolismos do RNA e do AIA (Ácido
Indol Acético) são mediados pelo B; o boro
participa ainda da respiração, da fixação
de N2, e na diminuição da toxicidade de
Al. A deficiência de B aumenta a queda
de botões florais, flores e frutos em desenvolvimento,
bem como é responsável pelo insucesso do estabelecimento
de sementes e de frutos (Kirkby &
Römheld, 2007).

2 comentários:

  1. Diante do que foi exposto o produtor não deve se furtar a fazer a adubação com Boro no período que vai dos 20 dias após a germinação até aos 35 dias quando a planta efetivamente tem seu máximo de floração, no mercado existem várias formulações, tenho tido bons resultados com CAB-2031 aplicado em intervalos de 7 dias, sendo a primeira aplicação aos 20 dias depois da germinação.

    ResponderExcluir
  2. que legal esta discurção
    vou fazer minha discertação de mestrado sobre isso

    ResponderExcluir